“INFÂNCIAS NA CONTEMPORANEIDADE 2017”
Coord.: Suely Figueiredo Marques e Katia Geluda
Horário: 6ª feira, de 12h às 13h30
Periodicidade: Quinzenal
Duração de 1 ano. Início em março de 2017

Datas:

Março - 10 e 24    |   Agosto - 4 e 18
Abril - 7 e 28         |   Setembro - 1,15 e 29
Maio - 12 e 26      |   Outubro - 6 e 27
Junho - 9 e 23      |   Novembro - 10 e 24
Julho – 7              |    Dezembro - 8


Pensar as novas juventudes também é um tema instigante. O que há de singular nos adolescentes e no comportamento atual destes jovens?

Propomos para o ano de 2017 discutirmos as adolescências, vista como a idade do desejo.

Segundo Miller, “há a adolescência cronológica, há a adolescência biológica, há a adolescência psicológica, na qual se podem distinguir a adolescência comportamental e a adolescência cognitiva, e há a adolescência sociológica, e há, até mesmo, a adolescência estética ou artística... Todas essas definições não se superpõem exatamente. O que se pode dizer, de modo geral, é que a adolescência é uma construção (p.20).”

Três pontos são de fundamental importância nesta construção:

- a saída da infância; momento de inauguração pubertária, segundo Freud, de metamorfoses.

- a diferença dos sexos; a puberdade, tanto para Freud como para Lacan, representa uma escansão sexual, no desenvolvimento e na história da sexualidade.

- a imiscuição do adulto na criança; que nos leva a refletir sobre “os moldes de articulação do Eu ideal e do Ideal de eu. O momento púbere é um momento em que, com efeito, o narcisismo se reconfigura (Idem, p.21)”. Ressalta a importância da forma da imiscuição do adulto na criança.

A partir destes três pontos, outras questões podem ser agregadas: Qual a incidência do mundo virtual na vida dos jovens? Quais as consequências da profusão de ofertas do mercado? (muitas vezes acarretando uma indecisão infinita) Quais os efeitos do declínio dos Ideais de eu e sua substituição pelo eu ideal? Quais os modos de gozo que podemos encontrar? Como estão os jovens lidando com seus corpos? E com o real do outro sexo? O que querem ou não saber nossos jovens? Como se apresenta a toxicomania e o alcoolismo? Que possibilidades encontra o adolescente frente ao real da psicose?

Esta discussão tem como objetivo a construção de textos com nossos pares que reflitam vivências clínicas e posições teóricas.

Sugerimos a leitura da bibliografia abaixo.

____________________________________

Referência bibliográfica:

Miller, J-A. Em direção à adolescência. Opção Lacaniana, São Paulo, n.72, p. 20-29, março 2016.

INDICAÇÃO BIBLIOGRÁFICA

Miller, J-A. Em direção à adolescência. Opção Lacaniana, São Paulo, n.72, p. 20-29, março 2016.

Roy, D. Juventude dos adolescentes. Disponível em: jornadaebpmg.blogspot.com.br/p/textos.htlm Acesso em: 9/12/2016.

Roy, D. metamorfoses. Revista Coringa, belo Horizonte, n. 42, p.201-211, jul/dez 2016.

Campos, S. Jovens.com. Revista Coringa, belo Horizonte, n. 42, p.15-25, jul/dez 2016.

Cosenza, D. Duas notas sobre a juventude e Psicanálise, hoje. Disponível em: jornadaebpmg.blogspot.com.br/p/entrevistas.htlm Acesso em: 9/12/2016.

Coutinho, F. O mal-entendido do corpo. Opção Lacaniana, São Paulo, n.72, p.31-35, março 2016.

Culturas Jovens: novos mapas do afeto. Maria Isabel Mendes de Almeida e Fernanda Eugenio (orgs). Rio de Janeiro – Jorge Zahar Editora, 2006.
________________________________________

Gratuito para membros
Valor para não membros: 5 X de R$ 40,00

* As inscrições podem ser feitas através de depósito bancário - BANCO ITAÚ S/A. Agência nº8598, Conta nº: 06355-3. Sociedade de Psicanálise da Cidade do Rio de Janeiro - SPCRJ. CNPJ nº: 42.132.233/0001-98. É necessário envio do comprovante para o email secretaria@spcrj.org.br, informando nome completo, telefone de contato e a qual curso ou evento refere-se o pagamento. Em caso de dúvidas, entre em contato conosco através dos telefones 2512-2265/2239-9848/97939-9418.

<< Voltar
Rua Barão de Ipanema, nº 56 - Grupo 801 - Copacabana - RJ - CEP 22.050-032
Tel.: +55 21 2512-2265 - Tel/Fax: +55 21 2239-9848
Tel.: +55 21 97939-9418
Horário de funcionamento: das 08 às 23 horas (de segunda a sexta-feira)
secretaria@spcrj.org.br
Todos os direitos reservados. Produzido por AG Studio